domingo, 26 de dezembro de 2010

Julian Assange recebe 1,5 milhões de dólares por autobiografia

Julian Assange vai escrever a sua autobiografia em troca de 1,5 milhões de dólares (1,1 milhões de euros), noticia o site The Next Web. O fundador da WikiLeaks disse ao "The Sunday Times" que não queria escrever o livro, mas foi a única forma que encontrou para pagar os custos da sua defesa em tribunal - está a ser acusado de assédio sexual na Suécia.

- Eu não quero escrever este livro, mas tenho de o fazer, disse Assange. - Já gastei mais de 200 mil libras em custos legais e tenho de me defender e de manter a WikiLeaks à tona.

O negócio foi feito com uma editora norte-americana e outra inglesa. O dinheiro vai directamente para o autor, que tem visto muitas das suas contas canceladas nos últimos tempos.

Sem comentários:

Enviar um comentário